Google Keep e Evernote juntos? Entenda como trabalho com os dois.

O Google Keep é um serviço com algumas características bem interessantes. Em especial gosto muito da simplicidade e do fato de funcionar em praticamente qualquer plataforma.

Cheguei a tentar levar meu sistema de organização e gestão de tarefas para lá, mas não consegui por uma série de motivos que prometo tratar em outro vídeo. O assunto de hoje é mais específico: como usar o Google Keep e o Evernote juntos.

Tenho o Keep instalado em todos os meus dispositivos e trato ele como um bloquinho de Post-it no qual anoto qualquer coisa que sei que é apenas um rascunho. Pode ser um código de barras que quero levar do computador para o celular ou uma parte de um texto que usarei em post do Instagram. Em outras palavras, nada que precise ser guardado por mais que algumas horas.

Porém, se percebo que alguma informação evoluirá para algo mais elaborado, envio aquele conteúdo para o Evernote utilizando uma de duas formas de envio. Posso simplesmente copiar e colar o texto ou parte dele ou, no caso de estar usando um dispositivo móvel (Android ou iOS), utilizo a opção "enviar para" e escolho o Evernote. Veja mais detalhes no vídeo abaixo.

E para você que usa o Google Docs, aqui vai uma dica extra. É muito fácil transferir qualquer conteúdo do Keep para o Docs.

+ Experimente o G Suite.

Você só precisa habilitar o Keep no menu do Google Docs e depois pode arrastar qualquer coisa, de textos a imagens, para dentro do documento no qual está trabalhando. Ficou confuso? Também encontrará esta explicação no vídeo.

Gostou da dica? Compartilhe com os amigos.