Como e porque você deve enviar suas anotações do Kindle para o Evernote

Marcar passagens e anotar conteúdo na margem de livros com micro-letras é uma prática relativamente comum. Adoro fazer isso porque, além de passar a sensação de um diálogo com o autor, nos ajuda a guardar aquela informação para sempre. O problema é que ao terminar de ler, o livro vai para a prateleira e, mesmo que um dia você pegue ele para buscar algo nas suas anotações, será difícil encontrar exatamente aquilo que procura. Imagino que já tenha passado por isso. São muitas passagens grifadas e a nossa caligrafia miúda na margem não ajuda muito.

Por essa razão, há muitos anos comecei a experimentar um processo extremamente moroso, mas muito eficiente depois de concluído. Ao terminar o livro, eu literalmente digitava todas as partes grifadas e anotações em um arquivo Word e depois usava a busca do aplicativo para encontrar algo. Não preciso dizer que, poucos livros depois, desisti dessa ideia.

Anos mais tarde, o Kindle e o Evernote resolveram o problema, automatizando o processo. Já falei sobre isso algumas vezes, mas caso não saiba, todas as marcações e anotações que você faz no seu Kindle, ficam armazenadas no endereço http://kindle.amazon.com e, com a ajuda do Web Clipper é possível capturar e levar esse conteúdo para dentro do Evernote.

É interessante e fácil de fazer, mas descobri errando que o conjunto funciona bem para capturar pouco conteúdo. O problema é que a página http://kindle.amazon.com funciona com carregamento infinito. Ou seja, a medida que você rola a tela, mais conteúdo aparece (vide imagem). E, na prática, isso significa que se você não prestar atenção, parte do conteúdo não será levado para seu Evernote. Sem mencionar que se um dos seus livros tem muitas anotações e marcações, você precisará rolar muitas vezes a página para conseguir ver e capturar tudo. O seja, na prática há muitas chances de erro.

Ano passado descobri o Clippings, um serviço online que funciona como extensão do Chrome e que consegue capturar de forma mais eficiente nossas anotações feitas em livros Kindle. Existe uma versão gratuita para quem tem o dispositivo da Amazon, mas se você lê no seu telefone ou tablet, a única opção é pagar para que o Clippings capture o conteúdo via nuvem. O serviço é fantástico e não se resume a capturar. É possível formatar suas anotações usando diversos padrões e exportar tudo de uma vez para o Evernote e outras partes.

+ Envie anotações feitas no Kindle para o Evernote com o Clippings
+ Entenda o que é e como funciona um Chromebook

O Clippings é interessantíssimo e automatiza boa parte do processo para quem paga pelo serviço. Por isso, sempre recomendo ele nos meus workshops. Mas ontem percebi que existe uma forma de capturar as nossas marcações e anotações. Ao ligar seu Kindle ao computador via cabo, verá ele aparecendo com um dispositivo de armazenamento (veja vídeo abaixo).

Clique na pasta “Kindle” e depois na sub-pasta “documents”. Você verá uma relação com todos os seus livros e no meio dela o arquivo "My Clippings.txt”. Abra-o e verá todas as marcações que você já fez em seus livros. O mais chato vai ser encontrar as que você deseja copiar, mas é possível usar a busca para facilitar esse processo. E se está confuso, assista o vídeo curto (abaixo) que gravei demonstrando tudo. E aproveite para me seguir no Periscope também porque estou sempre compartilhando dicas por lá.

Um detalhe importante para os que preferem o papel é que o Evernote consegue "ler textos dentro fotos", portanto mesmo que você não queira se envolver com livros eletrônico, sugiro que fotografe as marcações e anotações feitas no seu livro de papel e guarde tudo no Evernote porque tudo isso aparecerá nas buscas e no Context.

Enfim, seja qual for o método, transferir e manter esse conteúdo dentro do Evernote significa que ele será útil de verdade. Em primeiro lugar, encontrar qualquer informação se transformará em uma tarefa banal. Basta abrir a Nota e realizar uma busca por uma ou mais palavras chave. Existe ainda outra vantagem que, em minha opinião, é a mais incrível. A Nota com o conteúdo do livro aparecerá toda vez que você buscar algo relacionado ao tema no seu Evernote. E finalmente, caso você seja um usuário Premium [Entenda os diferentes tipos de conta Evernote], as anotações aparecerão como uma Nota relacionada sempre que começar a digitar algo semelhante em uma nova Nota. Enfim, é a tecnologia trabalhando para você com força total.