Você sabe o que é Scrum?

Já participei algumas vezes de equipes que utilizam o Scrum e de tanto trabalhar dessa forma acabei tomando emprestado parte dos seus conceitos para criar meu sistema de gerências de tarefas no Evernote.

Para os que falam inglês e querem ir direto à fonte, sugiro o livro Scrum: a arte de fazer o dobro de trabalho na metade do tempo no original, Scrum: The Art of Doing Twice the Work in Half the Time. O texto, em realidade, conta a história e as razões que o levaram o autor a criar o Scrum e, dessa forma, o leitor consegue entender melhor suas vantagens. O Scrum é muito interessante, mas a parte que mais me interessa são os fluxos e é exatamente isso que uso junto com práticas inspiradas no Pomodoro.

Há a possibilidade de você já saber exatamente do que estou falando e pode apenas não estar associando o nome a coisa. Muitas empresas adotam o Scrum por completo ou parte dele materializado nas famosas etapas "fazer"; "em progresso"; " para revisão" e “feito” (tradução livre). É claro, o Scrum não se resume a isso, mas adotar essas etapas já ajudará bastante na organização e execução do tarefas porque você define um foco, ou seja, o que fará naquele momento.

Há quem utilize os Cards do Trello para montar essa estrutura e também adoto o aplicativo quando estou lidando com um cliente ou parceiro que trabalha dessa forma. Mas, como ocorre com diversas outras atividades, o Evernote é o aplicativo que escolhi para gerenciar meu trabalho e simulo esse fluxo movendo conteúdo entre cadernos. Na Dica 191 do podcast Diário de um elefante, por exemplo, menciono como é possível usar um conjunto de widgets no Android para facilitar o processo. E no episódio Pro 3 falo em detalhes sobre o Evernote como meu sistema de gerência de tarefas.

A verdade é que não sigo nenhum método por inteiro. Criei minha própria forma de trabalhar usando partes do que acho interessante em diversos métodos, serviços e aplicativos. Enfim, o objetivo desse texto é te passar uma visão geral a respeito do Scrum porque estou sempre mencionando ele nos podcasts e workshops.

+ Gerenciando tarefas com o Todoist e o Evernote

Se ficou curioso o ideal é ler o livro e se aprofundar com os diversos artigos online sobre Scrum, mas para começar, ao menos leia o texto da Wikipédia a respeito do tema.