Aula 1 - Primeiros passos para dominar suas tarefas usando o Evernote e o Trello

Para que você aproveite melhor essa e as próximas aulas, sugiro que siga meu Canal no YouTube porque todas as aulas serão publicadas também em formato de vídeo. E caso goste do conteúdo, te convido a participar do Patreon para que eu possa produzir ainda mais conteúdo como este.

Gestão de Tarefas

Há alguns anos meu sistema de tarefas pessoais e profissionais funciona dentro do Evernote com a ajuda de Lembretes, Etiquetas e alguns conceitos e práticas que tomei emprestados do Scrum e Pomodoro.

Prefiro fazer dessa forma porque todo conteúdo que preciso já está dentro do aplicativo e me parece mais simples e conveniente manter a gestão de atividades por lá também. Porém, há muita gente que não concorda comigo e prefere as tarefas em um local específico. Para todos vocês que pensam assim, começo hoje a produzir conteúdos juntando o Evernote a diversos outros aplicativos. O primeiro da lista é o Trello.

+ Você sabe o que é Scrum?
+ Introdução à técnica Pomodoro
+ Gerenciando tarefas com o Todoist e o Evernote

Se você já usa o Trello, vou te pedir um pouco de paciência. Uma parte do ouvintes e leitores não está familiarizado com o serviço e precisarei explicar alguns conceitos básicos. Depois que o conhecimento estiver nivelado, partimos juntos para a integração com o Evernote e outros serviços para montar um sistema de tarefas mais abrangente e completo.

O Trello

Trata-se de uma ferramenta voltada para gestão de projetos em equipe, mas ele é tão versátil que pode também funcionar para gerenciar suas tarefas pessoais utilizando apenas a conta gratuita. Os elementos estruturais do Trello são os seguintes:

  • O Quadro, conhecido como Board na versão em inglês, é o espaço no qual você guarda suas listas de tarefas de um determinado projeto ou trabalho;
  • As Listas, que ficam sempre dentro de um Quadro são formadas por um conjunto de tarefas;
  • Os Cartões, que ficam dentro das Listas, são as tarefas propriamente ditas. Portanto, o Cartão é o núcleo do Trello. Mas é importante que você saiba que ele é extremamente poderoso e suporta uma série de configurações interessantíssimas.

Dica: assista a videoaula para entender melhor essa estrutura.

Tipos de conta

  • Business Class e Enterprise, que são mais voltadas para trabalho em equipe;
  • Gold, que é uma conta intermediária;
  • Gratuita, que é a que utilizaremos nas próximas aulas.

Portanto, o primeiro passo é criar uma conta gratuita para você no Trello. Vou te pedir para fazer isso usando meu link associado porque assim ganho alguns pontos. Basta clicar em vladcampos.com/trello e depois pressionar o botão “Cadastre-se no Trello. É gratis!”. Depois assista meu vídeo para entender os principais fundamentos do aplicativo

Conexão com outros serviços

O que chamou minha atenção recentemente foi uma mudança no que eles chamam de power-ups. Não se preocupe com a terminologia agora, nos próximos textos e vídeos você entenderá tudo. Apenas tenha em mente o seguinte: usuários gratuitos agora podem conectar um aplicativo ou serviço ao Trello. E no nosso caso, vamos conectar o Evernote e entender como as duas ferramentas jutas aprimoram enormemente o potencial de cada uma delas trabalhando de forma separada.