Minimalismo também nas fotos usando Diptic e Evernote

Esses dias o Eduardo me perguntou no Twitter o que uso para armazenar fotos no Evernote. A verdade nua e crua, inclusive já descrita em meus livros, é que nunca encontrei uma fórmula eficiente para esta tarefa. Respondi com o que venho experimentando. O registro apenas de momentos especiais com o próprio Evernote ou via outro App de fotografias.

Porém, alguns dias depois daquela "conversa", algo me ocorreu: por que não usar o App Diptic (ou similar) para simplificar as imagens dentro das Notas? Pode ser que resolva porque às vezes quero colocar mais de uma foto por momento e nunca fica visualmente agradável juntar tudo em uma única Nota.

O fluxo que tenho experimentado é o seguinte:

  1. Uso o App de fotografia do iPhone para fazer algumas fotos de um momento;
  2. Crio uma Nota ainda no local onde fotografei e coloco apenas um título ou algum texto para capturar hora e geolocalização;
  3. Em um segundo momento, usando o Ditpic, monto um mosaico com as imagens preferidas e incluo na Nota.

Estou também usando Etiquetas, que espero me ajudarão a filtrar informações no futuro. O desafio tem sido conseguir concentrar o maior número de impressões de cada momento em um único mosaico. Para não tumultuar as coisas, optei por buscar o equilíbrio entre uma e o máximo de quatro fotos.

Com Otávio.png

Usando esta estratégia poderei ver com clareza diversas fotos em uma única imagem quadrada dentro de cada Nota. E preciso confessar que tem sido divertido e terapêutico montar um quebra-cabeças procurando unir harmonia e melhor representação de cada momento. Não sei se dará certo, mas fica a dica! Quem sabe assim conseguirei também transformar o ato de fotografar em algo minimalista.